quarta-feira, julho 27, 2005

Morte em branco


Anoitece venerando tudo o que dorme. O sono é raso, mas o sonho é profundo: a morte passa em branco - bem distante das trevas, muito próxima do sol - e a alma recusada amanhece contrariada junto dos seus.

1 Comments:

Blogger rafa said...

dimais hein ta di parabens ;)

ph³²

6:57 AM  

Postar um comentário

<< Home